Humor: Cão ganha placa de portão inusitada para avisar pedestres que ele é bravo

 

Quem faz parceria com os animais anda de mãos dadas com a paz e sob a proteção de Deus.

 

No dia 1 de junho, Míris Borges, moradora de Uberaba, Minas Gerais, compartilhou uma foto hilária em um grupo de Facebook dedicado a tutores de pets.

Míris e seu noivo Thiago personalizaram uma plaquinha especialmente para o cão de 4 anos do casal, batizado de Zero. A placa é para alertar sobre a braveza do animal.

"CUIDADO CÃO BRAVO! É sério, ele é bonitinho, mas é ordinário", diz a placa pendurada no portão da residência. Na imagem compartilhada pela tutora, Zero aparece em pé, ao lado da placa, o que torna tudo mais divertido.

De acordo com a tutora, o cão nunca chegou a morder alguém, e é exatamente esse histórico que desejam manter.

"Ele é bravo com qualquer pessoa que ele não conhece. A placa foi para avisar vizinhos e familiares que não acreditam na possibilidade de ele oferecer perigo e teimam em se aproximar. Não é um risco a se correr", explicou a tutora.

Apesar dessa fama de durão, Zero adora a família e é muito brincalhão.

"Ele também não tem noção do próprio tamanho e adora um colinho, mesmo cabendo só pela metade. Na hora de pegar comida da mão da gente é super delicado e tranquilo", acrescentou Míris.

Zero foi adotado enquanto era filhote, Míris o encontrou em uma loja de artigos para animais, o estabelecimento também era uma espécie de feira de adoção. O cãozinho estava magro, com sarna e pulgas. Podemos dizer que Míris o salvou, e depois Zero pode salvá-la.

Quatros meses após a adoção, a tutora descobriu que estava com câncer, precisando deixar o pet aos cuidados de seus pais. "Fiquei 1 ano apenas brincando com ele de longe ou com muita proteção. Logo, ele teve contato com pouca gente quando era novinho. Acreditamos que esta seja uma das razões de ele não gostar de pessoas e animais estranhos", relatou Míris.

Atualmente, Zero vive apenas com Míris e Thiago, e ai de quem tentar chegar perto de seus tutores, apesar da carinha doce, o pet faria de tudo para protegê-los, mesmo que isso implique em morder seu dedo.

É só um jeitinho possessivo de dizer que ama a família que tem, mas não diga que não foi avisado, a placa serve para isso!

 

Na vida animal e humana, o que impera é a maternidade, o afeto, a proteção e a sobrevivência.

Amar, respeitar e proteger os animais.

Verdadeiros amigos, companheiros fiéis na alegria, na dor, para a vida toda!

Preste atenção ao nosso site, forneceremos informações mais valiosas.

 
Comentário do usuário