Guaxinim 'fica com vergonha' após ficar preso em casa tentando pegar lanches

 

Quem faz parceria com os animais anda de mãos dadas com a paz e sob a proteção de Deus.

 

Um americano recebeu a visita inusitada de um guaxinim que invadiu a sua residência em busca de lanches e acabou ficando preso. Os bombeiros foram acionados para salvarem o bichinho.

Na última quarta-feira, 14, o Corpo de Bombeiros da cidade de Dalton, Geórgia, Estados Unidos relatou em seu Facebook um resgate realizado no dia 12 deste mês. O resgatado foi um guaxinim e o registro do momento levou os internautas às risadas.

Nada melhor do que aproveitar a calada da noite para fazer travessuras. E um guaxinim soube muito bem aproveitar esse horário para invadir uma casa e roubar comida, contudo, seus planos foram frustrados, pois ficou preso.

O dono da casa percebeu uma movimentação estranha e quando foi conferir se deu de cara com o pequeno mamífero. A primeira atitude foi pedir socorro aos bombeiros. Quando os socorristas receberam a ligação, prontamente foram atender a ocorrência inusitada.

"Você nunca sabe quanto o dia vai durar quando você aparece para o seu turno como bombeiro. Claro, pode haver um gato ocasional que precise ser resgatado de uma árvore, mas um guaxinim? Isso é novo", escreveu o Corpo de Bombeiros na publicação.

Após resgatarem o peludinho, o dono da casa registrou o momento e a foto não poderia ser mais engraçada: o guaxinim tapando o rosto como se estivesse morrendo de vergonha da traquinagem que fez. Vê se eu posso?!

"Como você pode ver, ele ficou muito envergonhado com isso, mas não é nada para se envergonhar. Todos nós precisamos de uma mão amiga de vez em quando".

Depois de ajudarem o danadinho, os bombeiros o levaram e o soltaram com segurança no seu habitat.

 

Na vida animal e humana, o que impera é a maternidade, o afeto, a proteção e a sobrevivência.

Amar, respeitar e proteger os animais.

Verdadeiros amigos, companheiros fiéis na alegria, na dor, para a vida toda!

Preste atenção ao nosso site, forneceremos informações mais valiosas.

 
Comentário do usuário