Garoto de 11 anos lê livros para cachorros em abrigos na esperança que sejam adotados com facilidade

 

Quem faz parceria com os animais anda de mãos dadas com a paz e sob a proteção de Deus.

 

No verão de 2019, Evan Bisnauth morador Nova York nos EUA, descobriu um hobby inusitado, após sua mãe Amanda Persaud, ouvir falar sobre o Books With Boroughbreds, programa do Animal Care Center que incentiva as crianças a aprimorar suas habilidades de leitura lendo para cães abandonados. A aventura começou em um sábado à tarde, quando pegaram um ônibus do Bronx até o abrigo que fica em Manhattan.

"Passei cinco horas lendo para todos os cães no primeiro dia", disse Evan em entrevista ao Washington Post.

"Depois disso, eu queria ir todo fim de semana."

No abrigo ele aprendeu que ler para os cães os tornava mais sociáveis ​​e adotáveis.

"Eu sempre dizia a eles no final da história: 'não desista - tenho muita esperança por você e sei que você será adotado'", relembra Evan.

Quando a pandemia da Covid-19 surgiu, as visitas aos sábados precisaram ser suspensas, então o garoto decidiu criar uma página no Facebook, chamada EB and the Pets, onde começou a publicar vídeos curtos dos cachorros que mais necessitavam de um novo lar. Neste sentido, mesmo sem conseguir ir até o abrigo e ler para os cães, saberia que estaria fazendo algo para que pudessem ser adotados.

Todos os cachorros apresentados por Evan na página do facebook rapidamente encontram novos lares ou são escolhidos por outras organizações de resgate de animais, observou a mãe do garoto.

Evan foi homenageado no mês passado como Garoto do Ano da ASPCA. Cujo prêmio, o garoto espera que possa inspirar outras crianças e adultos a ajudar e abrigar animais em suas próprias comunidades.

"Ajudar cães me trouxe muita felicidade", disse ele. "Se todo mundo lesse para cães e tentasse fazer com que eles fossem adotados, imagine quanta diferença isso faria no mundo."

Uma curiosidade positiva é que durante a pandemia e enquanto os seres humanos foram obrigados a se isolar, por um bem maior, as adoções de animais aumentaram. Cerca de 90% dos animais adotados durante a pandemia permanecem em lares definitivos.

Porém, ainda há muitos cachorros que ainda necessitam de uma família.

A obstinação de Evan para ajudar os cães na cidade de Nova York ajudou a aumentar a conscientização e a tornar os cães mais velhos ou insociáveis ​​mais adotáveis, disse Risa Weinstock, presidente e CEO do Animal Care Center.

"É notável ver o efeito calmante de sua leitura em cada cão", disse Weinstock. "Os cães podem sentir que ele está lá apenas para eles, e há uma redução visível em seu nível de estresse."

"A dedicação de Evan como voluntário júnior deu a centenas de cães uma amostra de como seria viver em uma casa enrolada com um bom livro e um melhor amigo", acrescentou ela.

A mãe e o pai de Evan notaram que Evan tinha um talento especial para se comunicar com cães desde novinho. Ele era acostumado a se aconchegar ao lado dos animais de estimação da família e praticava suas habilidades de leitura em tons suaves e calmos, disse ela.

"Quando ele começou a ler para os cães do abrigo, percebi que ele faria um esforço para descobrir quais cães precisavam de mais ajuda", disse Amanda Persaud, que trabalha como assistente executiva em uma seguradora de vida.

"Ele encontrou algo que ama e é muito dedicado ao que está fazendo", acrescentou ela. "Como pai, acho isso realmente admirável. O único problema é que agora ele deseja poder trazer todos os cães para casa. "

Evan disse que sabe que isso não é possível, então ele está buscando a próxima melhor coisa, ajudá-los a encontrar uma família.

"Algum dia, quero resgatar meu próprio animal e vou levar todos os cães que achar que precisam de ajuda", disse ele.

"Ainda vou ler livros para eles", acrescentou. "Para cada um."

Que fofura! Realmente Evan é uma criança prodígio, aposto que os cães também adoram a companhia e a ouvir as histórias.

 

Na vida animal e humana, o que impera é a maternidade, o afeto, a proteção e a sobrevivência.

Amar, respeitar e proteger os animais.

Verdadeiros amigos, companheiros fiéis na alegria, na dor, para a vida toda!

Preste atenção ao nosso site, forneceremos informações mais valiosas.

 
Comentário do usuário