Em vídeo fofo, cão rottweiler tenta ensinar filhote a brincar de bolinha; confira

 

Quem faz parceria com os animais anda de mãos dadas com a paz e sob a proteção de Deus.

 

Ao tentar ensinar um cãozinho filhote a brincar com sua bolinha, rottweiler se torna viral no Twitter e vídeo é visto por mais de 2,1 milhões de pessoas.

Em um vídeo publicado na conta de @Yoda4ever, um rottweiler aparece tentando ensinar um pequeno filhote a brincar com sua bolinha.

No entanto, a diferença do tamanho da boca de ambos caninos impede a brincadeira.

O canino se aproxima do sofá, o qual estava sentado o pequeno filhote, com uma bolinha de tênis na boca e então entrega para ele.

O filhotinho observa como seu amigo segurava a bola, mas ao tentar fazer o mesmo percebe que o brinquedo é muito maior que sua boca.

É quando desiste do brinquedo e prefere brincar com o rottweiler pulando em seu rosto, invés de brincar com a bolinha.

"Cachorro ensina cachorrinho a brincar com bola", destaca a legenda da postagem.

Postado no dia 10 de outubro, o vídeo teve 115 mil curtidas, 496 comentários, além de 12,3 retweets.

"'Ok, apenas coloque na sua boca'", comentou um internauta.

"Essa é a coisa mais fofa que eu vi hoje", pontua outro.

Confira:

Rottweiler

Muitos mitos cercam a raça rottweiler, sendo que entre os mais conhecidos está o fato deles serem muito agressivos e não se darem bem com os demais animais.

Pensando nisso, o blog Petz selecionou alguns mitos e verdades sobre este animal que divide opiniões.

Segundo a médica veterinária comportamentalista, Dra. Katia de Martino, muitas pessoas acreditam que devido a seu aspecto robusto, os cães dessa raça são bravos e perigosos.

Todavia, apesar de suas características como força e agilidade, lhe tornarem um ótimo cão de guarda, quando são bem socializados desde a infância, se tornam cães dóceis que convivem tranquilamente com humanos ou outros animais.

Nesse sentido, Katia ressalta que quando a intenção do tutor é utilizá-lo como um cão de guarda é importante que haja treinamento de um adestrador, a fim de que ele defenda a casa e se necessário obedeça aos comandos.

Portanto, seu comportamento deve ser visto como de um cão protetor, não agressivo como muitos dizem.

Também é mito a ideia que caninos dessa raça não se dão bem com crianças.

Conforme esclarece a médica veterinária, apesar de não serem muito brincalhões por natureza, tudo depende da socialização feita pelo dono.

Desse modo, caso o pet conviva com crianças, especialmente quando filhote, ele se tornará uma excelente companhia para as crianças.

Uma das principais verdades que estão relacionadas à raça é que os rottweilers são cães muito inteligentes.

Isto pois, um estudo publicado no ano de 1994, os apontou como a 9º raça mais inteligente do mundo.

 

Na vida animal e humana, o que impera é a maternidade, o afeto, a proteção e a sobrevivência.

Amar, respeitar e proteger os animais.

Verdadeiros amigos, companheiros fiéis na alegria, na dor, para a vida toda!

Preste atenção ao nosso site, forneceremos informações mais valiosas.

 
Comentário do usuário